| 0 comentários |

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

De Levis

Dois vídeos com trilha sonora de um dos caras que sou fã, o rapper carioca De Leve.

Ele já escreveu pra Ragga e continua mandando bem pelos lados da Guanabara.

O grande lance são as rimas.

Tenta sacar as poesias da figura, sempre com um lado sarcástico apuradíssimo. Não existe igual.

Entre aqui no blog do rapper




video


video ...read more ⇒
| 6 comentários |

La muerte

Ainda me deparo com pensamentos diversos sobre a morte.

A coisa tomou proporções maiores depois de alguns acontecimentos (nada agradáveis, é claro)

Mas Deus sabe o que faz.

Mesmo assim, tenho uma vontade enorme de saber pra onde vamos. Dia desses, dois amigos começaram a discutir sobre o assunto. Porém, sobre coisas mais profundas, como de onde viemos, evolução da alma, etc.

Não creio em vidas passadas. Não creio que éramos uma pedra, viramos uma formiga, depois um sapo, depois um zebra, depois um macaco e depois um homem.

Pra mim, eu era um esperma sortudo que fecundou. Tamu aí.

Mas volto a indagar e querer saber pra onde vamos. Me assusta muito a ideia de ficarmos enterrrados a sete palmos debaixo da terra pra sempre. Prefiro ser cremado. E que minhas cinzas ajudem a crescer um pé. Pode ser de laranja-lima, que vai dar um suco bem gelado!

Mas quero descobrir o que acontece depois que a gente morre. Dormimos pra sempre e só? Nossa alma vai pra algum lugar? Ficamos lá emcima, só vendo o pessoal aqui embaixo e ajudando quando for possível? Viramos anjos?

Que dúvida hein? De um tempo pra cá, venho pensando muito nisso. E admito minha inquietação. É claro que ninguém vai voltar para nos falar o que realmente acontece. Ou vai?

E creio que isso tudo vai além de qualquer crença religiosa ou espírita.

Não é porque sou cristão e acredito em Deus, que devo acreditar que existe céu e inferno e que vamos todos pra perto de Deus e ficamos lá com ele, todo barbudão, trocando altas ideias e recebendo as novas visitas diárias, que ficarão ali eternamente.

Posso acreditar nisso, como não. Isso é opção de cada um, independente de sua religião.

Cada um acredito no que quiser e como quiser.

Mas gostaria mesmo de saber o que acontece quando passamos dessa para uma melhor.

Continuamos com nosso espírito vivo, acompanhando nosso queridos amigos e parentes por aqui? Torcendo por eles, sorrindo nas vitórias e chorando nas derrotas?

Será que vou poder ainda acompanhar o CAM, por exemplo? Vê-lo campeão brasileiro e mundial, mesmo depois de morto? Saber que o garoto que hoje é bom de bola vai se tornar técnico da seleção? Vai saber... ...read more ⇒
| 1 comentários |

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Dúvida

1 - Alô! Eu gostaria de fazer uma pergunta sobre sexo.

2 - Pois não, pode falar.

1 - Queria saber qual é a diferença entre sexo anal e oral.

2 - A diferença?

1 - Isso.

2 - Mas alguma coisa específica ou no geral mesmo?

1 - No geral.

2 - Ok, sua pergunta foi anotada. Obrigado.

1 - Falou! ...read more ⇒
| 2 comentários |

domingo, 18 de janeiro de 2009

Tabu

Já são quase dois anos.

Mas esse tabu vai ser quebrado em 2009. Pode anotar. ...read more ⇒
| 2 comentários |

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

Duelo de MC´s

Fui numa coletiva hoje e quem estava lá era um representante do duelo de MC´s que rola toda sexta debaixo do viaduto do Santa Tereza.

Neste movimento, sempre rolam os duelos, além de DJ´s mandando bala no hip hop e de grafiteiros apresentando alguns trabalhos. Ainda não fui, mas já ouvi falar muito bem. Deu até uma matéria na Ragga

Na coletiva, o representante disse que há pouco, os organizadores perceberam que possuem uma arma muito forte nas mãos e decidiram, a partir deste ano, realizar algumas mudanças. Não vão rolar somente os duelos. A partir de agora, outros tipos de manifestações estarão presentes, como shows de bandas de rock, reggae e hip hop, além de um duelo mais construtivo e inteligente, com palavras fornecidas pelos organizadores, "forçando" os rimadores a realizarem suas obras de uma forma mais positiva, sem aquela ofensa que sempre acaba rolando nesse tipo de ação.

O primeiro duelo de MC´s do ano rola no dia 16. Estou ansioso em conhecer o novo formato. Sempre pensei que havia um certo risco em ir lá. Admito o preconceito. Mas já fiquei sabendo que tudo rola dentro de uma tranquilidade e respeito muito grande.

Uma barreira que os organizadores encontram é a burocracia. Precisam de alvará para a realização do movimento e em quase todas as vezes, a PM aparece para atrapalhar. Nada de servir e proteger.

Mas foi dito que o movimento vai rolar, com ou sem PM, com ou sem alvará. "No começo a gente colocava o gerador de energia e mandava bronca. Não é agora que a gente vai deixar de fazer o nosso trabalho, o nosso papel, por conta de burocracia. O duelo de MC´s não pode parar por causa disso", contou o representante, em uma sala com cerca de 30 músicos, dançarinos, artistas e jornalistas.

A boa e velha indignação do hip hop se mostra, mais uma vez, ativa. E junto dela, a vontade de ultrapassar barreiras, por maiores e mais imbecis que elas sejam. ...read more ⇒
| 0 comentários |

domingo, 4 de janeiro de 2009

2009

Mais um ano que chega.

E as descrenças continuam soltas em meus devaneios.

Claro que espero que 2009 seja um melhor ano pra mim, em todos os sentidos. Acho que posso contribuir mais em vários aspectos. Tantos os relacionados a mim mesmo, como os que atingem aos outros. Apesar de serem poucas as promessas, há muita coisas que podem ser melhores. Posso ser mais paciente, posso gastar menos dinheiro, posso ler e escrever mais, posso um tanto de coisa. E quero. Espero querer de verdade para fazer tudo acontecer.

No âmbito pessoal, as mudanças são mais fáceis de serem acompanhadas. Posso cobrar mais de mim mesmo ao ver que algo não anda como eu gostaria.

Mas não espero que as pessoas sejam mais educadas e gentis, que não vamos ver casos de corrupção, extorsão e mortes imbecis e que os preços parem de aumentar. Nisso eu não acredito.

Então, o jeito é tentar fazer o melhor pra mim e para os outros que estão próximos a mim. Nisso eu posso colocar esperança e tentar fazer acontecer. É claro que vou continuar tentando ajudar quem posso, ser mais solidário, rever algumas atitudes etc. Mas esperar que o Brasil em 2009 vai ser um país mais digno, bom para se viver, com tudo funcionando, não dá. Desculpem-me, mas eu não acho que um dia isso vá acontecer. Tem gente que ainda tem esperanças de um país melhor para todos. Há de se respeitar a opinião. Mas estou descrente e não é de hoje.

A tendência é piorar quando eu conhecer uma cultura de primeiro mundo.

Desejo a todos um feliz 2009 e que cada um tenha sucesso nas mudanças que querem para suas vidas. Muitas delas só dependem de nós mesmos. O resultado, para quem corre atrás, vai aparecer, mais cedo ou mais tarde. Pode até demorar, mas quando ele aparecer, cada dia de espera e trabalho vai ter valido a pena como nunca.

Não vou prometer escrever mais no blog. Não quero prometer milhões de coisas, sendo que já é difícil cumprir uma ou duas, em algumas situações.

O que quero de verdade eu já sei. E vou procurar cumprir. No final de 2009, verei no que deu.

Que vocês tenham em dobro o que me desejarem.

Abraços e beijos. ...read more ⇒